domingo, 22 de julho de 2012

INICIANTES EM MAGIA





COMO PRATICAR MAGIA


Quando se pensa em bruxaria e feitiços, a tendência é imaginar uma mulher abatida, com verruga no nariz, má e recitando um encantamento para enfeitiçar seu vizinho.Isso é lamentável, triste e totalmente impreciso.Para praticar a verdadeira Bruxaria e suas Magias significa aceitar a responsabilidade pessoal por suas ações e suas conseqüências.Portanto, antes de acionar o seu caldeirão, aprenda a maneira correta de praticar feitiços de bruxaria.Instruções Magicas de Bruxaria!Coisas que você vai precisar:* Ferramentas, ervas, pedras, velas, incensos e materiais conforme o caso.Passo 1. Deliberar sobre a mágica que você deseja executar. Isso vai depender de seu objetivo, desejo ou intenção, seja para aumentar a abundância financeira, encontrar um novo emprego ou promover a boa saúde.Passo 2. Respeitar a ética prática responsável da magia. Aceitar que nem sempre podemos mudar o que está destinado a ser, nem deveríamos tentar. Examine os seus motivos com atenção antes de recorrer a usar um feitiço para trazer mudanças através da bruxaria.Passo 3. Siga a Pirâmide da Bruxa ao executar qualquer magia. Este é um conjunto de quatro colunas que são essenciais para o sucesso. Eles são:Saber (entender o mecanismo da magia e seus efeitos), Querer (a capacidade de se concentrar na sua intenção), Ousar (para acreditar que você é merecedor de receber esta bênção) e Calar (para não alterar o fluxo positivo de energia em movimento, não fale ou comente sobre o seu feitiço).Passo 4. Preparar a área para trabalhar a magia andando em círculo enquanto faz a limpeza do espaço, e abrindo o círculo de proteção que você encontra em no post “O círculo Mágico” aqui no MagiaZen.Passo 5. Consagre previamente todas as ferramentas que você pretende usar nos feitiços, como uma varinha, pêndulo ou um athame… Para fazer isso, consulte o post de consagração aqui no MagiaZen.Dicas & AvisosIMPORTANTE:* Não realizar qualquer magia que afeta uma pessoa a menos que tenha permissão explícita da pessoa a fazê-lo.* Magia da Bruxa, que afirma: “Faça o que quiseres, mas nunca prejudique ninguém…”*Respeite a Lei Triplice!


Quero Aprender Magia

Então, você quer aprender a fazer magia e feitiços, mas não sabe como fazê-lo?

Há um par de opções que você pode escolher.

A primeira é comprar um livro mágico. Existem muitos livros sobre início em magias.

Não, as magias não vão fazer você voar, ficar invisível ou ser poderoso(a)!

Mas, a magia que é encontrada em livros integros pode ajudá-lo(a) a melhorar a si mesmo(a).

Existem diferentes tipos de magias.

Por exemplo, há feitiços para dinheiro, magias de proteção, magias de amor, feitiços de boa saúde, etc

A lista é interminável.

O que você está realmente fazendo quando você está lançando um feitiço, está enviando vibrações para o universo.

Em essência, você está dizendo, “Por favor, me ajudar a alcançar este objetivo.”

Então, onde você pode encontrar esses livros?

Você pode comprar livros de magia nas melhores livrarias de shoppings, fazer download gratuito em sites, encontrar uma livraria perto de você…

E depois há sempre as lojas de bruxa que você sabe, aquelas que têm incenso cheirando quando você passa na porta.

Os livros são amplamente disponíveis e não tão caro.

E há tantos livros de magia diferentes, pois há milhões de fórmulas mágicas. Portanto, antes de comprar um, tente se informar, na internet mesmo, qual ramificação da magia você se simpatiza mais.

Outra opção para aprender magias é encontrar pessoas que também são wiccas ou simpatizantes.

Você pode pensar que você é o único na sua região interessado em Wicca, mas as probabilidades são de que há pelo menos uma outra pessoa em sua área que é interessado ou praticante.

Aprender com alguém é muito mais fácil do que aprender de um livro.

Existem cursos muito bons, mas mesmo assim sempre é bom pesquisar bastante antes de dar seu crédito a algum local.

Ainda é assim comigo?

A outra coisa que você precisa fazer é se familiarizar como disse em outro post, com diferentes ervas, cristais e pedras. Eles desempenham um grande papel na maioria das magias.

Por exemplo, Lapis Lazuli ajuda a sua segunda vista. Olho de Tigre é uma pedra protetora…

Não se preocupe se você não entende sobre nada disso.

Você não tem que memorizar todos os detalhes sobre todas as ervas e cristais que você estará usando simplesmente porque você pode sempre comprar livros que listam suas características.

Mas é bom estar familiarizado com pelo menos alguns deles.

Quanto mais familiarizado você estiver, mais fácil será realizar o feitiço.

E, você pode criar suas próprias fórmulas mágicas ou personalizar os que você encontra nos livros para atender às suas necessidades, mais especificamente.

E ai então você tem que praticar. Prática, prática, prática. Sempre!!!

Você nunca vai ser bom em feitiços sem muita prática.

Mas lembre-se, não importa se você compra um livro, ou muitos livros sobre feitiços, ou encontra alguém perto de você que é um praticante da Wicca, preste atenção nas leis.

A primeira regra é esta: não fazer mal.

O que quer que você mande para o universo volta para você por três vezes.

Mande boas vibrações, e você vai receber boas vibrações. Mande ruins, e vai piorar ainda mais o que quer modificar em sua vida.

A segunda regra: Amor em tudo que faz.

“Abençoado o momento que você iniciar suas magias!”



Como fazer bruxaria?

Bruxaria, um modo de vida natural

É preciso entender que a Wicca, o Paganismo e a Bruxaria que são claramente sistemas de crença espirituais e um modo de vida.

Crentes na Bruxaria geralmente trabalham em covens e cada coven desenvolve seu próprio sistema de adoração, rituais e práticas de feitiçaria com base na experiência e opinião dos membros.

Você pode praticar bruxaria em seu próprio país, sem se juntar a qualquer coven.

A beleza está nesta liberdade de escolha de cada indivíduo em poder decidir seu caminho sozinho ou em grupo, sem qualquer dogma rígido ou regime.

Portanto existem regras sobre como realizar as bruxarias, respeitando leis e normas, só assim sendo considerado como magia.

O primeiro passo para aprender como fazer bruxaria é conhecer pessoas, ler livros e pesquisar sobre bruxaria. Isto permitirá que você compreenda os fundamentos da feitiçaria como uma religião.

O próximo passo é formular sua própria opinião independente sobre a bruxaria ouvindo sua intuição ou pressentimento. Se você se sentir desconfortável com qualquer grupo ou sistema de crença, saia dela.

Ser um bruxo solitário é acatado como decisão, pelo fato de como cada um senti a magia de bruxaria de forma diferente.

A magia universal não tem cobrança ou abordagem, e sim amor e fé, uma prática de modo respeitoso pelo ser humano e a natureza.

Só realize magia quando se sentir confiante em si mesmo, e não existir dúvidas em suas ações.

Quando existir dúvidas no que acredita, use sua intuição e percepção, e se mesmo assim não obter o efeito, servirá de treino e experiência.

Como já foi dito, tente ler sobre cada coisa que for referente a magia antes de colocar em prática.

E lembre sempre que nunca aprendemos tudo, pois o seu ponto de vista ficará mais claro e forte depois de muito tempo praticando e estudando.

Enquanto estiver estudando bruxaria, você precisa anotar associações e características de assuntos que pouco mudam e teorias que você necessita consulta antes de praticar magia.

Mantenha anotações em seu computador, mas tenha também um pequeno caderno com função de ser seu livro das sombras, e que possa carregar onde for.

Anote o que você acha ser o caminho certo para você.

Seja honesto ao expressar sua crença e escrever suas idéias, e quanto mais escrever, mais sabedoria terá acumulado.

Você estará guardando dados que projetaram sua filosofia pessoal e um comprometimento com a magia e o encantamento.

Siga seus instintos, não há certo nem errado, o importante é o significado deste caminho quando você se auto-analizar, olhar para dentro de si e ver que evoluiu…

Está é a beleza de uma religião. Você ser seu próprio guia.

Afinal, depois de tanto estudo, você não estará seguindo algo ou alguém cegamente.

O mais importante é sua percepção, e quando encontrar algo que leia e não lhe agrade, saia completamente.

Faça seu caminho de bruxo ou bruxa amando e respeitando a vida!


Quanto tempo leva para uma magia se realizar?
Esta é uma das dúvidas dos amantes e praticantes de magia.
Primeiro, magia não serve para consertar erros na vida e nem mesmo envolver vontades alheias.
A magia feita com respeito e amor serve para ajudar o “Sr. Destino” a caminhar por uma estrada mais bonita.
Por exemplo; não adianta fazer um monte de feitiço de amor, se a pessoa não é compatível a sua vida, você irá atazanar o sossego dela mexendo na energia pessoal e perder tempo desgastando a sua energia.
Mas, a pergunta é; quanto tempo leva para a magia surtir efeito…?
Depende da qualidade, e nunca da quantidade!
Somente uma vez feito seu pedido ao Universo, basta. Não é necessário ficar refazendo a magia, é preciso ter o dom da paciência e deixar o Universo trabalhar para você.
Minha mãe dizia que se eu ficasse olhando a batata fritar, ia demorar mais para terminar… sabe, a tal da ansiedade (no caso fome, né!). E é preciso o tempo necessário para a batata fritar, certo!
Sei que às vezes parece que a magia não funcionou, mas é nossa ansiedade que faz parecer que nunca se realiza.
Se você fez a magia respeitando todas as regras, fez acreditando, fez no momento em que sua energia estava boa, num local adequado e com o dia, Lua e materiais (vela, incenso…) corretos, basta esperar.
O tempo que demorar, é o tempo necessário para acontecer da forma correta.
Não adianta nada acontecer, mas em seguida te prejudicar ou sair das rédeas.
Já tive desejos realizados, mas tem vários que estão por vir, e alguns há um bom tempo… e prefiro aguardar do que saírem mal feitos por imprudência de minha energia ansiosa.
Relaxa, pois não existe termo para entrega de um pedido em magia.
E entenda que quando acontecer, vai ser como desejou, e na hora certa em sua vida.
Você também precisa de tempo para amadurecer e saber usufruir do que deseja.
Etapas são para aprendizado, não queira pular de nível antes da hora, você pode se perder depois.
Não peça também absurdos, coisas que no fundo você sabe que não será realizado sem vivência e esforços. Nada cai do céu!
E você já sabe que Magia não é Milagre, magia é energia.
Dê tempo ao tempo!
E nunca, mas nunca mesmo, desanime ou desmereça a magia realizada.
Seu desejo foi enviado, e está no ar.
Quando lembrar da magia e do pedido, mande mais energia positiva a ele e recarregue seu desejo com calma e amor.


Uma Síntese da Magia e Wicca

Tradição Pagã

Síntese da Bruxa

Wicca é uma religião baseada na natureza, um desdobramento moderno das tradições pagãs pré-cristãs da Europa.

Existe um Deus e a Deusa, embora não haja Bíblia e nenhuma autoridade central que rege, a religião não reivindica nenhum dogma.

Porém, só se considera um wiccano se obedecer a Lei;

“Sem prejudicar ninguém, faça o que quiser.”

WICCA às vezes chamado de feitiçaria, ou A Velha Religião, representa uma antiga religião de amor à vida e à natureza.

A Wicca é simplesmente uma das religiões mais irresistíveis do mundo, porque ela estimula o intelecto, promove uma maneira simples e prática de vida e, o mais importante, é emocionalmente gratificante.

Wicca celebra os sabás, que marcam as estações do ano.

A bruxa ou bruxo, no coven ou sozinho, usa magia e ervas para direcionar o tempo e a matéria, a fim de alcançar a satisfação psíquica e espiritual.

Bruxas não adoram o diabo!

Bruxaria existiu bem antes ao Cristianismo e não incorpora a crença no Diabo cristão.

Nos últimos 15 anos as crenças em feitiçaria têm evoluído na teoria e na prática.

Os estudos aprofundaram em astrologia, tarô e runas, ervas e pedras, e numerologia.

Reverenciar a natureza e o mundo em que vivemos é a maior prioridade na vida.

Os sábios em magia utilizam o mês lunar, os aspectos dos Esbats e Sabás com muito respeito.

A magia é unida a sabedoria, a visão do mundo moderno e resgates do antigo, a filosofia de vida e no caminho do amor incondicional.

Nossa inteligência nos dá uma responsabilidade única em relação a nosso meio ambiente, pois buscamos viver em harmonia com a Natureza, em cumprimento do equilíbrio ecológico dentro de um conceito evolucionário.

Reconhecendo que há mais de um caminho para a iluminação espiritual e que a Wicca é apenas um de muitos, não abordamos ninguém tentando converter para ser um bruxo e respeitamos todas as formas de religiões.

Em tempos pré-históricos, pessoas respeitavam as grandes forças da Natureza e comemoravam os ciclos das estações e da lua.

As divindades eram o sol, a lua e a própria Terra, as energias criativas do universo eram personificadas: os princípios feminino e masculino eram deusas e deuses.

Não existiam figuras semi-abstratas ou sobre-humanas.

Existiam mulheres e homens, a terra e o céu, plantas e animais, pedras e rochas, rios e mares…

Acreditava-se em espíritos da natureza, inteligências biológicas e muitas vezes poderosos e aliados aos humanos.

Aliados porque como eram respeitados atendiam chamados em rituais e trabalhos de magia.

Até hoje, os elementos da natureza, são vistos como Terra, Ar, Fogo, Água e Espírito, sendo formas científicas da matéria; sólido, líquido, gás e plasma unidos pelo espírito e simbolizados em magia pelo pentagrama.

Todos são necessários e devem estar em equilíbrio, pois são os alicerces da criação e da base da própria vida.

A Terra é a essência da fertilidade e da solidariedade, que alimenta, que liga e dá forma.

O Ar é a essência da inteligência.

O Fogo é a essência da força e da defesa, que anima e ativa.

A Água é a essência das emoções e da fecundidade fazendo coisas maleáveis e flexíveis.

As representações físicas destes elementos são simplesmente as suas formas brutas no mundo material.

De forma celestial, enviados por seres divinos veio uma hierarquia de espíritos chamados Elementais.

A tarefa foi a de governar os elementais dos quatro elementos.

Então os Gnomos vieram para governar a Terra, os Sílfos para controlar o Ar. As Salamandras para comandar o Fogo e as Ondinas para prevalecer sobre a Água.

Os elementos e elementais são atribuídos aos quatro pontos cardeais de um círculo sob os olhos vigilantes dos Guardiões, que estão próximos da fila na hierarquia do mundo espiritual.

Assim, a Terra e gnomos são atribuídos ao Norte, o Ar com os Sílfos para o Sul, o Fogo com as Salamandras ao Leste e a Água com as Ondinas para o Oeste.

Terra:

A Deusa da Lua, o planeta Marte, os signos do zodíaco de Touro, Virgem e Capricórnio, a estação do outono.

É o elemento da estabilidade, ordem e aterramento, da fertilidade e gravidez, nascimento e crescimento, do material e negócios, prosperidade e criatividade.

Como o elemento de onde viemos e para onde voltaremos, é o elemento da morte e renascimento, do começo e fins, e do silêncio.

Ar:

O Deus do Sol, o planeta Vênus, os signos do zodíaco de Gêmeos, Libra e Aquário,a estação da primavera.

É o elemento do intelecto, do estudo, de rever e aprender,e portanto, das ciências.

É o elemento da juventude, da criatividade, da espontaneidade, da comunicação e das viagens.

Fogo:

O Deus do Sol, o planeta Mercúrio, os signos do zodíaco de Áries, Leão e Sagitário, a estação do verão.

É o elemento da resistência, da força física, da força de vontade e da energia.

É o elemento da paixão, da coragem, da proteção, da purificação, da transformação, do caos e da destruição, da vida e saúde, do sexo.

Água:

A Deusa da Lua, o planeta Júpiter, os signos do zodíaco de Câncer, Escorpião e Peixes, a estação do inverno.

É o elemento da sabedoria, da clareza, do senso comum, da experiência vivida, da intuição, emoção, adivinhação e do relacionamento.

É o elemento da cura, dos aspectos de transformação e purificação, mas também representa a morte e o renascimento.

Espírito:

Espírito é o elemento de transcendência,da transformação, da mudança.

Está em todo lugar e em nenhum lugar.


Como equilibrar sua energia para fazer Magia
Magia necessita muita concentração
Preparando-se para o ritual


Magia é muito mais do que velas, ervas, símbolos e instrumentos.

Para a magia ser eficaz requer foco, concentração e uma visão clara do objetivo que procura.

O aspecto mais importante é ser capaz de criar uma imagem em sua mente referente ao seu desejo, é o que dá o poder tanto do propósito como na direção.

É essencial estar no bom estado de espírito e saudável.

Vamos fazer passo a passo;

Em primeiro lugar, prepare a área da Magia.

O local tem que estar limpo, e também livre de energias negativas, varrendo com a vassoura da Bruxa ou uma comum (que se varre sem encostar a vassoura no chão).

Enquanto varre as energias visualize as energias negativas saindo.

Certifique-se de reunir todas as ferramentas e materiais necessários, deixando ao alcance no espaço sagrado.

Se vai ser no ambiente onde esta seu altar o trabalho da decoração e até de reunir os instrumentos diminui.

Ai então certifique-se se todos os objetos mágicos a serem utilizados estãoconsagrados e se outros materiais como velas, incenso, pedras e ervas estão prontos e a disposição.

Em segundo lugar, prepare-se.

Depois de tudo ficar pronto, você já deve estar com uma prévia sobre limpeza, mas falta retirar o que pode ter ficado em seu corpo.

Hora de um banho.

Seu bem estar deve ser resoçvido antes de começar o ritual, caso contrário, os resultados podem ser imprevisíveis e às vezes desastrosos.

Você vai querer tomar banho para limpar e purificar.

Embrulhe as seguintes ervas em um pano e passe na peler: camomila, lavanda e hortelã.

Após se secar, se você tiver sândalo, passe nos punhos, ou caso não tenha, passe seu perfume preferido.

Vista roupas limpas e soltas, nada apertado.

Em terceiro lugar, certificar se não será interrompido(a), abrir o circulo de proteção, recitar e posicionar-se.

Faça qualquer tipo de exercício que lhe permite atingir a quietude, meditee/ou faça respiração pausada.

Você precisa fazer o que funciona melhor para você…

Incensos, música tranquila, realizar ao ar livre, posicionamento confortável.

Relaxe e deixa os pés e palmas das mãos em contato com o solo, ou chão.

Feche seus olhos.

Respire profundamente, e em cada expiração as energias negativas que sobraram sairão e você estará pronto(a).

Quando sentir a calma em seu interior, visualize a energia verde e quente da Mãe Terra, sendo atraídas para o seu corpo.

Sinta esta energia subir por suas pernas, joelhos, quadris e barriga.

Começa a sair pelo coração também envolvendo o peito, o pescoço e a cabeça toda.

Esta energia percorre seu corpo e equilibra toda sua vibração.

Abra os olhos lentamente e comece seu ritual.

Muita Paz e Amor no seu círculo!





Nenhum comentário:

Postar um comentário